Mas como chegamos a esse cansaço?

37

Mas como chegamos a esse cansaço? Byung-Chul Han, filósofo coreano residente em Berlim, traduziu bem esse novo modo de estar em seu livro Sociedade do Cansaço, lançado em 2010. A publicação foi inspirada por sua teoria e dá seguimento aos estudos de grandes fenômenos que atingem a nossa sociedade hoje.

Para Byung-Chul Han, o homem atual segue um mandato social: fazer tudo o que PUDER. Até pouco tempo, as pessoas faziam o que DEVIAM. Agora, o ser humano acredita que deve alcançar o “sucesso”, mesmo às custas de si mesmo, e fica seriamente angustiado se não triunfa. O poder não precisa açoitá-lo.

Assim, a Sociedade do Cansaço surge como consequência da Sociedade do Desempenho. Uma sociedade que se demonstra cansada de tantas tarefas, tanta hiperconectividade e tanta necessidade de performar bem.

Texto de Katia Goiana, diretora da AGECEF CE e com formação em psicologia positiva.

Contribuição da associada Isabella Lima

Muito importante esse tema. Reforçando o propósito do seu texto e para quem tem TV por assinatura, entrando nos programas de TV disponíveis, na biblioteca da GNT – na aba Trabalho e Dinheiro está disponível um documentário baseado nessa obra do Byung (Sociedade do Cansaço), produzido em 10 episódios (de 30 min cada), abordando todos “os cansaços”. Vale à pena assistir.

E todos os livros dele (que são bem sintéticos, diretos e  intensos) abordam temas associados e intensificadores desse cansaço. Uma leitura que ajuda a ampliar nossa consciência sobre o assunto e, também, sobre oportunidades de atualização…

#ficaadica

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here